Um estudo divulgado nesta segunda-feira (18) pelo Daily Mail aponta que grávidas que tomam duas xícaras de café por dia ou mais podem aumentar o risco de leucemia para o bebê. De acordo com os acadêmicos responsáveis pela pesquisa, mais de 200 mg diárias de cafeína já pode ser considerada uma quantidade excessiva.

O problema seria uma alteração no DNA do feto, que deixa as células mais suscetíveis a desenvolver a doença. Os pesquisadores analisaram mais de 20 estudos para concluir que os filhos mulheres que bebiam muito café durante a gravidez tinham 40% mais risco de ter o câncer. Para aquelas que tomam mais de quatro xícaras por dia, o risco é de 72%, segundo Jornal Americano de Obstetrícia e Ginecologia do Reino Unido.

Um professor de Efeitos da Radiação da Universidade de Bristol University, Denis Henshaw, que não está envolvido no estudo, porém é um especialista na área, ainda declarou que não acha que as grávidas devem cortar completamente o consumo de cafeína. "Mas reduzir a quantidade é uma medida de precaução", alertou.

Fonte: Portal Terra - http://saude.terra.com.br/gestacao/excesso-de-cafe-na-gravidez-pode-aumentar-risco-de-leucemia,a0364fe0bf9e7410VgnVCM10000098cceb0aRCRD.html